União e município firmam acordo de transferência da administração da Estação Leopoldina

141
Estação Leopoldina será administrada pela Prefeitura do Rio de Janeiro (Foto: Reprodução/TV Globo Rio)
Publicidade

União e a Prefeitura do Rio de Janeiro firmaram um acordo para transferir a administração do prédio da antiga Estação Leopoldina para o município. A assinatura ocorreu na manhã desta segunda-feira (26) no Palácio do Planalto, em Brasília.

O prefeito Eduardo Paes, o presidente Lula e a ministra Esther Dweck, da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos, foram os signatários do acordo. Com isso, o Governo Federal cede a gestão do terreno de 114 mil metros quadrados, onde está localizada a estação.

De acordo com Paes, a intenção é utilizar o prédio para institutos federais. Nos arredores da estação, está prevista a construção de um centro de convenções, a Cidade do Samba 2 para os barracões das escolas de samba da Série Ouro e um empreendimento do programa Minha Casa, Minha Vida. As obras serão realizadas em parceria com a iniciativa privada.

“Na prática, assumimos a responsabilidade pelo espaço e já apresentamos, anteriormente, um projeto que previa a reforma do prédio da estação”, afirmou o prefeito.

Publicidade

“A ideia é ocupá-lo, por exemplo, com escolas técnicas do Governo Federal. Queremos criar um centro de convenções em colaboração com o setor privado ao lado do edifício antigo. Na parte posterior, está planejada a construção de um conjunto habitacional do Minha Casa, Minha Vida e a Cidade do Samba 2. Essa é a direção que pretendemos seguir. Agora, é detalhar os projetos e avançar nessa direção”, disse Paes.

Quanto ao prazo para a conclusão do projeto, Eduardo Paes preferiu não estabelecer uma data específica.

MOBILIDADE RIO

Siga o Mobilidade Rio no Twitter e fique informado sobre a mobilidade urbana do Rio de Janeiro e Região Metropolitana.

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui