Naufrágio deixa mortos e desaparecidos na Baía de Guanabara

495
Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros RJ
Publicidade

Uma embarcação afundou e deixou ao menos seis pessoas mortas na Baía de Guanabara. Até a última atualização desta reportagem, duas pessoas eram procuradas.

Segundo o Corpo de Bombeiros, seis pessoas foram resgatadas com vida.

O acidente aconteceu por volta das 17h00 do último domingo, dia 05 de fevereiro de 2023.

Na manhã desta segunda-feira, dia 06, segundo os Bombeiros, foram encontrados um homem, próximo ao vão central da Ponte Rio-Niterói, e uma mulher, dentro da embarcação. A identificação das vítimas será feita no IML (Instituto Médico Legal).

Publicidade

Ao todo, 14 pessoas estavam na embarcação. No fim da noite, duas pessoas foram encontradas sem vida: uma mulher e um homem. O corpo de outro homem foi localizado na madrugada desta segunda. Os três estavam dentro da embarcação. Outras duas pessoas ainda seguem desaparecidas.

Os nomes deles não foram confirmados oficialmente pelas autoridades. Também estão na lista de desaparecidos uma criança de três anos e um adolescente.

No fim da madrugada, bombeiros encontraram um cachorro morto no interior da embarcação – perto de onde os corpos de três passageiros estavam.

Mais de 50 militares da corporação seguem empenhados nas buscas. Os guarda-vidas e mergulhadores atuam com apoio de lanchas, motos aquáticas, botes e aeronaves.

Vítimas resgatadas e liberadas:

  1. Ana Nilda dos Santos Soares, 43 anos;
  2. Ana Paula de Souza, 46 anos;
  3. Caíque Gomes da Silva, 10 anos;
  4. Cauã Gomes da Silva, 14 anos;
  5. Erick Pereira da Silva, 38 anos;
  6. Marcos Paulo da Silva Correia, 45 anos.

Pessoas desaparecidas:

  1. Uma criança de 3 anos;
  2. Um adolescente de 14 anos;
  3. Evandro José Sena;
  4. Everson Costa de Assunção, 45 anos;
  5. Fábio Dantas Soares, 46 anos;
  6. Isabel Cristina de Souza Borges, 38 anos.
  7. Juliana Gomes Delana da Silva; 35 anos;
  8. Michele Bayerl de Moraes de Sena.

Até às 11h00, seis corpos tinham sido encontrados, mas ainda não tinham sido identificados.

MOBILIDADE RIO

Siga o Mobilidade Rio no Twitter e fique informado sobre a mobilidade urbana do Rio de Janeiro e Região Metropolitana.

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui