Estação Campinho do BRT é reformada e entregue aos passageiros

279
Campinho BRT Rio
Foto: Divulgação/BRT Rio

O BRT Rio finalizou as obras de reforma da estação Campinho, no corredor Transcarioca. Os passageiros encontraram nesta segunda-feira, dia 17 de agosto de 2020, uma estação renovada. A oitava estação reformada pelo BRT Rio recebeu os reparos durante o fim de semana.

“A reforma das estações Campinho e Vaz Lobo representa um grande esforço do BRT Rio para entregar um serviço de qualidade aos moradores daquela região. E seguiremos nesse objetivo com a recuperação de outras estações, como Mercadão, Vila Queiroz, Olaria, Santa Luzia e Vila Kosmos. A efetiva participação da comunidade da Leopoldina será fundamental na preservação dessas estações, assim como das autoridades policiais no combate ao vandalismo e furtos de equipamentos”, afirmou o presidente executivo do BRT Rio, Luiz Martins.

As reformas incluíram o fechamento do acesso ao forro e à cobertura, pintura, nova rede elétrica, reforço na iluminação e sinalização. A nova estrutura que vem sendo utilizada na revitalização impede que ambulantes e moradores de rua guardem objetos na parte superior da estação, além de proteger o cabeamento elétrico com condutores de metal.

A iluminação também foi reforçada com mais refletores. Esse conjunto de medidas visa a proporcionar mais segurança aos passageiros.

Outras sete estações já haviam sido reformadas pelo BRT Rio: Novo Leblon, Paulo Malta Rezende, Bosque Marapendi (Parador), Afrânio Costa, Riviera, Ricardo Marinho e Vaz Lobo. As próximas serão Barra Shopping (Parador), Rede Sarah, Mercadão e Vila Queiroz. A estação Parque das Rosas será entregue reformada nesta terça-feira, dia 18 de agosto.

O BRT Rio também vem realizando melhorias na iluminação, o que já aconteceu nas estações Centro Metropolitano, Lourenço Jorge e Rio 2. As estações Aeroporto de Jacarepaguá e Via Parque, todas no corredor Transcarioca, são as próximas dessa lista.

Mobilidade Rio

Siga o Mobilidade Rio no Twitter e fique informado sobre a mobilidade urbana do Rio de Janeiro e Região Metropolitana.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui