Dez dicas de passeios no Rio para fazer com as crianças utilizando o metrô nas férias

343
Foto: Divulgação/MetrôRio
Publicidade

Como as férias escolares de julho são mais curtas, nem sempre dá para planejar uma viagem prolongada ou até mesmo um bate-volta para cidades vizinhas, ainda mais quando os pais não conseguem conciliar a agenda com a das crianças. Para não deixar os pequenos sem diversão neste período, o MetrôRio selecionou dez dicas de lugares para visitar utilizando o sistema metroviário.

Que tal um passeio no Jardim Botânico, uma visita ao Parque de Madureira, uma passadinha na Quinta da Boa Vista ou uma pedalada na Lagoa Rodrigo de Freitas? Há várias opções muito legais para aproveitar esta última semana de férias escolares. Confira a lista e curta bastante com a criançada:

Dicas de passeios no Centro do Rio

  • Boulevard Olímpico: um dos legados das Olimpíadas de 2016, o local abrange toda a orla do Centro: do Porto Maravilha, passando pela Praça Mauá até a Orla Conde. Nesse trecho há a Pira Olímpica, o Museu do Amanhã, o Museu de Arte do Rio (M.A.R), a roda gigante, o AquaRio, entre outras opções de lazer. Para chegar à Pira Olímpica, por exemplo, os visitantes podem descer na estação Uruguaiana e seguir pela Avenida Presidente Vargas em direção à Praça da Candelária. A Tocha Olímpica, um dos símbolos dos Jogos Olímpicos, fica na Rua Primeiro de Março. Para conhecer os outros lugares da redondeza, basta fazer uma caminhada pela orla.

Dicas de passeios na Zona Norte

  • Quinta da Boa Vista: perfeita para um piquenique com toda a família, o espaço é um dos maiores parques urbanos da cidade. Com cerca de 155 mil metros quadrados de área verde, a Quinta da Boa Vista, localizada em São Cristóvão, foi residência da Família Real e conta com vários jardins, grutas artificiais, quadras poliesportivas, além de abrigar o zoológico do Rio e o Museu Nacional, que está em reforma. Para chegar ao parque, desça na Estação São Cristóvão, que fica em frente ao parque. O endereço é Avenida Pedro II, sem número. O horário de funcionamento é das 6h às 18h, e a entrada é gratuita.
  • Parque Madureira: com 450 mil metros quadrados, o espaço tem uma vasta opção de lazer para as crianças, com quadras de vôlei, basquete e futebol, campo de grama sintética, riachos, pista de skate, brinquedos, quiosques, pomar, fontes e muito espaço para correr ou andar de bicicleta. Opções de diversão não faltam no Parque Madureira, que conta ainda com dois espaços culturais: a Arena Carioca e a Praça do Samba. Para chegar ao local, na Rua Soares Caldeira, nº 115, em Madureira, o cliente do MetrôRio pode descer na estação Central do Brasil/Centro e embarcar no sistema de trens da SuperVia, com destino às estações Cascadura ou Mercadão de Madureira. De lá, basta fazer uma caminhada de cerca de 10 minutos. O horário de funcionamento é de terça a domingo, das 6h às 22h.

Dicas de passeios na Zona Sul

  • Parque Guinle: localizado em Laranjeiras, o espaço é perfeito para passear com as crianças. Além de ter uma área verde de tirar o fôlego, o Parque Guinle tem diversos lugares para piquenique, parquinho com vários brinquedos para os pequenos e um lindo lago com muitos patinhos. Abriga ainda o Palácio das Laranjeiras, residência oficial do governador do Rio, e fica na Rua Paulo César de Andrade, com entrada pela Rua Gago Coutinho. Para chegar ao Parque Guinle é bem fácil. É só descer na Estação Largo do Machado do MetrôRio e caminhar uns cinco minutinhos.
  • Parque Lage: Patrimônio Histórico e Cultural da cidade, o espaço fica aos pés do morro do Corcovado e tem aproximadamente 52 hectares de área verde. Os jardins do Parque Lage, que integram o Parque Nacional da Tijuca, abriga um palácio com vista para o Cristo Redentor e é um dos mais belos cartões postais arquitetônicos do Rio. No local há trilhas para caminhadas ecológicas, grutas artificiais, pequenas quedas d’águas, um aquário e o Lago dos Patos. No interior do palacete, há uma piscina que é cenário famoso de várias fotografias por aí. O horário de funcionamento do Parque Lage é das 8h às 17h, e a entrada é gratuita. Vá de metrô até a estação Botafogo e faça a integração com o Metrô na Superfície (MNS), sentido Gávea. Desça na estação Hospital da Lagoa.
  • Jardim Botânico: vizinho ao Parque Lage, o local é ideal para respirar ar puro e conhecer diversas espécies botânicas nacionais e internacionais. Entre as variadas atrações, há um orquidário e um lago de vitórias-régias. Para chegar ao Jardim Botânico, basta embarcar no metrô, descer na estação Botafogo, fazer a integração com o Metrô na Superfície, sentido Gávea, e desembarcar na estação Jardim Botânico do MNS.
  • Lagoa Rodrigo de Freitas: com uma paisagem maravilhosa e encantadora, o cartão-postal fica às margens das avenidas Epitácio Pessoa e Borges de Medeiros, no bairro Lagoa, e reúne diversos atrativos, como o pedalinho, o Parque da Catacumba e o Parque dos Patins. O lugar é perfeito para uma pedalada com as crianças, um piquenique ou sessões de contação de história, entre outras atividades. Para chegar à Lagoa Rodrigo de Freitas de metrô, o passageiro pode embarcar em uma composição do sistema, descer na Estação Cantagalo e caminhar em direção à Avenida Epitácio Pessoa ou descer na Estação General Osório e seguir pelo acesso E (Lagoa).
  • Jardim do Museu da República: localizado no bairro do Catete, o espaço é um lugar lindo e opção de passeio obrigatório para as crianças. Isso porque o Museu da República, conhecido como Palácio do Catete, transborda cultura, com cinemas, café, várias exposições e eventos literários, além de um lindo jardim com lago, esculturas, gramado e muitos bancos para ler um livro ou conversar. O museu fica ao lado da estação do Catete do metrô e muito pertinho do Aterro do Flamengo.
  • Aterro do Flamengo: com vista para os pontos turísticos mais famosos do Rio, como o Pão de Açúcar e o Morro da Urca, o espaço é uma ótima dica de lazer, pois há opções para toda a família. Entre elas piqueniques, andar de bicicleta, caminhar ou jogar bola em uma das quadras esportivas. O parque, que abriga ainda o Museu de Arte Moderna do Rio (MAM Rio), fica na Avenida Infante Dom Henrique, sem número. Aos domingos, o trânsito é bloqueado aumentando ainda mais o espaço da área de lazer. A melhor opção para chegar ao Aterro do Flamengo é de metrô, basta descer na estação da Glória ou Largo do Machado e caminhar cerca de 10 minutos.

Dicas de passeio na Zona Oeste

  • Bosque da Barra: criado para ser uma reserva ecológica, o espaço abriga vegetação natural da região, com brejos, áreas arenosas e até flores ameaçadas de extinção. As crianças podem observar aves, borboletas, capivaras, saguis, jacarés-de-papo-amarelo e até bichos-preguiça. Localizado na Avenida das Américas, 6000, na Barra da Tijuca, o Bosque da Barra também conta com grandes gramados para um piquenique com os pequenos, além de mesas, bancos, bebedouros e banheiros. O funcionamento é de terça-feira a domingo, das 7h às 17h, e a entrada é gratuita. Para chegar ao local, os passageiros do metrô podem desembarcar na estação Jardim Oceânico/Barra da Tijuca, e sair pelo acesso C (BRT), onde vão fazer a integração até a estação Bosque da Barra, do BRT.

MOBILIDADE RIO

Siga o Mobilidade Rio no Twitter e fique informado sobre a mobilidade urbana do Rio de Janeiro e Região Metropolitana.

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui