Aplicativo Moto.Rio começa a funcionar nesta sexta-feira, dia 21

A partir desta sexta-feira, 21 de julho, o aplicativo Moto.Rio estará disponível para aceitar corridas de mototáxis pelas ruas do Rio de Janeiro.

O app está disponível para ser baixado gratuitamente em smartphones com sistema Android, no Google Play.

O aplicativo não cobra nenhuma taxa do parceiro Moto.Rio nem do passageiro. O valor integral da corrida vai para o mototaxista.

O passageiro escolherá percentuais de desconto do valor total da corrida, como já ocorre no Táxi.Rio, que oferece até 40% de abatimento.

Quem pode se cadastrar?

Qualquer cidadão que tenha carteira de motorista de categoria motocicleta dentro da validade e tenha posse legítima da moto.

Como fazer o cadastro?

O processo de pré-cadastro foi encerrado dia 16 de maio. A Prefeitura abrirá uma novo processo, mas ainda não há data definida. (confira a documentação exigida).

É necessário fazer seguro?

Os mototaxistas que não tiverem uma apólice de seguro app poderão contratar o serviço, no Clube do Servidor, no momento do cadastro presencial. O seguro de Responsabilidade Civil Facultativa (RCF) também será necessário, mas poderá ser contratado posteriormente.

Condições da motocicleta

As motocicletas precisam estar em boas condições, ter cortador de linha de pipa acoplado, apoio lateral e traseiro para o passageiro e porta-bagagem. O condutor precisará vestir um colete especial refletivo e, além de usar capacete, precisará ter um capacete disponível para o passageiro.

Para realizar o serviço pelo aplicativo, os condutores também precisam fazer o curso de especialização para mototaxistas, regulamentado pelo Detran, e a motocicleta deverá ter placa vermelha, como os táxis.

Deixe um comentário