Tentativa de assalto na Linha Amarela deixa duas pessoas mortas em Higienópolis

Na manhã desta terça-feira, 18 de junho de 2024, uma tentativa de assalto na Saída 6 da Linha Amarela, em Higienópolis, Zona Norte do Rio de Janeiro, resultou na morte de duas pessoas. As vítimas foram identificadas como Deborah Vilas Boas da Silva, de 27 anos, e José Carlos Miranda, de 64 anos. Um suspeito também foi baleado durante o confronto.

Detalhes do Incidente

O incidente ocorreu quando policiais do 22º BPM (Maré) flagraram um roubo a uma moto onde estava um casal de amigos. Os assaltantes, ao menos quatro, estavam a bordo de um Honda CRV, e um deles portava um fuzil. Os PMs reagiram ao ataque, resultando em um tiroteio.

Deborah Vilas Boas da Silva estava em um ponto de ônibus quando foi atingida pelos disparos. Ela havia recentemente celebrado os sete meses de sua filha. José Carlos Miranda estava em um coletivo da linha 315 (Recreio-Central) quando foi baleado, e a janela traseira do ônibus ficou destruída.

Suspeito Baleado e Fugiram

Um dos assaltantes, Alexsandro de Andrade Venâncio, de 24 anos, foi baleado e está internado sob custódia. Os outros três assaltantes conseguiram fugir.

Consequências do Confronto

Os ocupantes da moto, que nada sofreram, foram à 21ª DP (Bonsucesso) para registrar a ocorrência. O incidente resultou na interdição de uma faixa da via no sentido Barra, e agentes do Corpo de Bombeiros estiveram no local para prestar atendimento e controlar a situação.

Impacto no Trânsito

O trânsito na Linha Amarela apresentou retenções significativas devido ao incidente. Às 7h, a via ainda permanecia interditada para a realização da perícia, causando transtornos aos motoristas.

Investigações e Medidas

As autoridades estão conduzindo investigações para localizar os outros suspeitos e esclarecer os detalhes do ocorrido. A população é aconselhada a evitar a área e buscar rotas alternativas.

Deixe um comentário