Claúdio Castro determina novo plano de segurança após sequestro na Rodoviária do Rio

224
Rodoviária do Rio
Foto: Paulo Camilo Mendes
Publicidade

O governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, determinou à Rodoviária do Rio a elaboração de um novo plano de segurança após um homem manter 16 reféns em um ônibus no local, ferindo duas pessoas.

Houve falhas na segurança, o criminoso embarcou armado no ônibus sequestrado, apesar dos detectores de metal no terminal, que foram removidos por falta de efetivo da Polícia Militar.

A polícia planeja inserir a Rodoviária em um programa de monitoramento integrado. Passageiros esperam por reforço na segurança, enquanto a administração da rodoviária garante que os serviços não serão prejudicados.

Os viajantes afetados podem procurar apoio nos postos de atendimento localizados no desembarque superior. A Rodoviária classifica o incidente como um problema pontual na segurança pública.

Publicidade

MOBILIDADE RIO

Siga o Mobilidade Rio no Twitter e fique informado sobre a mobilidade urbana do Rio de Janeiro e Região Metropolitana.

Publicidade

1 COMENTÁRIO

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui