Pesquisa em Niterói conclui: subsídio é fundamental para a manutenção da tarifa

197
Publicidade

Estudo realizado pela Secretaria de Urbanismo e Mobilidade de Niterói sobre o equilíbrio econômico-financeiro e de sustentabilidade dos contratos de concessão do serviço público de transporte coletivo de passageiros por ônibus já produziu um relatório final e está sob a análise de outros órgãos municipais para viabilizar a reordenação da malha rodoviária em Niterói.

O Setrerj – Sindicato das Empresas de Transportes Rodoviários do Estado do Rio de Janeiro tem expectativa que o documento seja apresentado formalmente no próximo dia 29 de agosto, durante a segunda audiência especial de conciliação entre a Prefeitura e os representantes do setor. A entidade reconhece deficiência no serviço e que este apresentou defasagem, motivada, sobretudo, pela crise gerada pela pandemia de Covid-19 e pelo aumento constante do valor do combustível e diz que acordo sobre valor da passagem é fundamental para recuperação das empresas.

Na visão do presidente da entidade, Márcio Barbosa, sem todas as informações do estudo em mãos, os empresários e a Prefeitura não podem definir os rumos do transporte na cidade.

“Estamos otimistas em relação a este relatório. Estávamos há mais de três anos sem reajuste tarifário, e quando isso aconteceu a própria Prefeitura reconheceu que a nova passagem não dava conta de tudo o que estava em jogo. Sabemos da complexidade do assunto. Por isso destacamos que o cenário não vai mudar de uma hora para outra, mas esse será nosso pilar. O subsídio da tarifa técnica é fundamental para a saúde do setor“, diz Barbosa.

Publicidade

Niterói provavelmente seguirá a estratégia adotada em outras cidades do país como Rio de Janeiro e São Paulo, subsidiar a operação, e assim evitar o aumento de tarifa de ônibus.

MOBILIDADE RIO

Siga o Mobilidade Rio no Twitter e fique informado sobre a mobilidade urbana do Rio de Janeiro e Região Metropolitana.

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui