Novos motorneiros realizam viagem inaugural no bonde de Santa Teresa

37
Bonde de santa teresa
Foto: Flávia Duarte Pereira
Publicidade

Dezesseis novos motorneiros celebraram a conclusão do curso de formação com uma viagem inaugural pelas ruas pitorescas do bairro de Santa Teresa, nesta segunda-feira. A nova turma, composta por 16 motorneiros, 16 auxiliares e dois supervisores, marca a primeira contratação de profissionais para essa função em 23 anos, como parte das medidas de revitalização do sistema anunciadas pelo Governo do Estado.

O trajeto original dos bondes será retomado, incluindo os ramais Paula Matos e Silvestre, que estavam inoperantes há mais de uma década. Além disso, o sistema está recebendo obras de ampliação e investimentos na modernização da operação.

Os novos profissionais continuarão em treinamento prático, revezando-se em regime de escala, conforme o desempenho individual. Com a contratação dos motorneiros, espera-se ampliar a oferta de viagens dos bondes.

Fabrício Abílio, presidente da Central Logística, ressaltou a importância dos novos profissionais para o processo de mudança: “É gratificante ver as mudanças acontecendo. E esses novos profissionais são decisivos nesse processo. Abril será um mês de adaptação, e a nossa expectativa é ter uma grade ampliada, com intervalos reduzidos, já em maio. Estamos falando aqui do impulsionamento da economia local e de um importante resgate da identidade cultural do bairro de Santa Teresa”.

Publicidade

Durante o treinamento, os novos profissionais estudaram temas como Integração e Segurança do Trabalho, Segurança em Atividades com Eletricidade, Direção Preventiva, entre outros. A formação contou com conteúdos teóricos e práticos desenvolvidos por diferentes áreas da Central Logística.

O secretário Washington Reis enfatizou a importância dessas mudanças para o estado: “Este momento é um marco para nosso estado. Estamos caminhando para os 128 anos do Bonde, em setembro deste ano, com mudanças significativas. Os novos motorneiros e a conclusão das obras representam uma entrega muito aguardada pela população. Teremos um novo capítulo na história do nosso centenário e tradicional meio de transporte.

Anderson Silva, um dos novos integrantes do time, compartilhou sua emoção: “É um marco na minha vida. Nunca imaginei que me tornaria motorneiro. É uma responsabilidade enorme e, certamente, estou aqui para somar e honrar esse legado que os motorneiros antigos estão deixando”.

O treinamento prático foi realizado no próprio bonde, com a supervisão de motorneiros experientes, e incluiu atividades relacionadas ao funcionamento e à operação do veículo. A partir de agora, moradores e turistas que embarcarem nos bondes serão conduzidos pelos novos profissionais, marcando um novo capítulo na história do transporte público na região.

MOBILIDADE RIO

Siga o Mobilidade Rio no Twitter e fique informado sobre a mobilidade urbana do Rio de Janeiro e Região Metropolitana.

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui