Maricá mobiliza população contra vandalismo nos ônibus da cidade

299
Foto: Vinícius Manhães

A Prefeitura de Maricá está mobilizando a população para ajudar a coibir e combater atos de vandalismos nos Vermelhinhos, os ônibus da Tarifa Zero. A Empresa Pública de Transportes (EPT) informou que o mais recente ato criminoso ocorreu nos dias 18 e 19 de dezembro de 2021 com a quebra lacres de saída de emergência e dos difusores do ar condicionado de um veículo da linha E30 – já recolhido à garagem para reparos.

Motoristas sofrem efeitos

Outro ataque foi registrado perto da passarela de Inoã, no sentido Niterói. Um banheiro químico foi integralmente destruído, impossibilitando o uso pelos motoristas da EPT.

O presidente da empresa, Celso Haddad, disse que o município tem 110 ônibus circulando diariamente nas 35 linhas da EPT, com mais de dois milhões de passageiros transportados todo mês.

“É muito importante a conscientização da população para preservar os Vermelhinhos, não quebrar vidros, não pichar, porque esses atos de vandalismo interferem diretamente na operação diária do transporte coletivo do nosso município”, afirmou.

Haddad ainda acrescentou:

O maricaense depende do Vermelhinho para o seu trabalho e para o seu lazer. Então, cada ônibus depredado é um prejuízo para o cidadão, para o trabalhador e para a família que precisa e utiliza o transporte público Tarifa Zero”.

Mobilidade Rio

Siga o Mobilidade Rio no Twitter e fique informado sobre a mobilidade urbana do Rio de Janeiro e Região Metropolitana.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui