Guarda Municipal de Niterói resgata cobra escondida em garagem em Piratininga  

128
Publicidade

Moradores do Condomínio Ubá Piratininga, na Região Oceânica, levaram o maior susto neste domingo (24). Uma cobra jiboia de cerca de 2,5 metros se abrigou na garagem da casa entre pisos que serão utilizados em uma reforma. Integrantes da Coordenadoria de Meio Ambiente da Guarda Municipal de Niterói foram até o local e fizeram o resgate do animal.

Os donos da casa não estavam no momento e viram através de câmeras de segurança quando o animal entrou na garagem e se abrigou atrás do material. Eles entraram em contato com o número 153 que atende no Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp) que acionou ou guardas municipais. Após o resgate, a cobra foi avaliada e como estava com boa saúde e não era venenosa, foi reintegrada em área de preservação na Serra da Tiririca.

Capivara – Uma visitante inesperada em uma loja de tintas na Avenida Central, em Piratininga, comoveu comerciantes e pessoas que faziam compras nesta sexta-feira (22): uma capivara, de cerca de 30 kg, entrou assustada no estabelecimento. A Coordenadoria de Meio Ambiente da Guarda Municipal foi acionada pelo telefone 153, que atende no Centro Integrado de Segurança Pública da Prefeitura de Niterói. Após o resgate, o animal foi reintegrado à natureza na área de proteção ambiental no Canal de Camboatá.

De acordo com a Guarda Municipal, o animal estava assustado e corria risco de ser atropelado na estrada. A loja de tintas onde a capivara se refugiou foi fechada por alguns minutos para que os agentes pudessem fazer o resgate com segurança. Após um período de medo, o animal aceitou a acolhida dos guardas.

Publicidade

Nem os comerciantes e nem quem passava pela Avenida soube explicar como a capivara foi parar no local. Ela foi examinada e, como estava em bom estado de saúde, foi reintegrada em um local onde já existem outras de sua espécie.

Também na sexta-feira (22), a Guarda Municipal também fez o resgate de uma jiboia que estava debaixo de um veículo próximo a concessionárias de automóveis na Região Oceânica, assustando funcionários das lojas. A cobra foi reintegrada na área de proteção Ambiental da Serra da Tiririca.

Resgate especializado – A Coordenadoria de Meio Ambiente da Guarda Municipal resgatou mais de três mil animais silvestres em Niterói apenas em 2023 Entre as espécies estão às capivaras, corujas, gambás, tartarugas, cobras, gaviões, bichos-preguiça e tamanduás, entre outros.

A Coordenadoria é uma equipe especializada que tem treinamento para diversos tipos de resgate de animais e passa por cursos de reciclagem e capacitação. Os agentes podem ser acionados através do telefone 153, que atende no Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp) da Prefeitura de Niterói. Os guardas possuem cursos de resgate de animais silvestres, primeiros socorros, manejo de fauna, resgate e manuseio de animais peçonhentos, e transporte adequado, entre outras especializações.

Entre as espécies resgatadas pelo grupamento estão gambás, corujas, morcegos, lagartos, capivaras, gaviões, pássaros diversos e as temidas cobras. Quando são peçonhentas, as cobras são encaminhadas para institutos especializados e, quando não possuem veneno, voltam para seu habitat natural em unidades de conservação.

Reintegração – A Guarda tem um procedimento para cada tipo de demanda. Após serem acionados, os agentes capturam o animal que, logo em seguida tem suas condições físicas avaliadas pela equipe. Caso não apresente nenhum tipo de ferimento, o animal é reintegrado à unidade de conservação mais próxima. A Guarda Ambiental recomenda que por conta disso os moradores não devem mexer nos animais silvestres para que não os machuque ou que eles se assustem e possam atacar. Devem entrar imediatamente em contato com os agentes para o resgate.

Os animais que são resgatados e apresentam algum tipo de ferimento são encaminhados para instituições como o Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (Cras), que fica em Vargem Pequena, na Zona Oeste do Rio; Econservation, empresa de estudos e projetos ambientais; o Centro de Triagens de Animais Silvestres (Cetas), em Seropédica; ou Instituto Vital Brazil quando é o caso de cobra venenosa.

MOBILIDADE RIO

Siga o Mobilidade Rio no Twitter e fique informado sobre a mobilidade urbana do Rio de Janeiro e Região Metropolitana.

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui