Prefeitura do Rio realiza série de ações conjuntas de ordenamento no BRT Rio

A Secretaria Municipal de Ordem Pública iniciou o ano com uma série de ações conjuntas de ordenamento em estações do sistema BRT e entorno.

Desde o dia 2 de janeiro, já foram realizadas 12 grandes operações dentro e no entorno das plataformas do modal que resultaram, até o momento, em 346 multas de trânsito, 94 fiscalizações a estabelecimentos e ambulantes, 29 abordagens a pessoas em situação de rua, e retirada de nove toneladas de resíduos sólidos.

Com diversos órgãos municipais e o apoio da Polícia Militar, a força-tarefa prossegue por tempo indeterminado nos corredores Transcarioca e Transoeste.

Simulacro

Entre as apreensões está até um simulacro de arma de fogo (encontrado durante inspeção na Estação Gramado, no dia 4 de janeiro) e um quiosque não autorizado no interior da Estação Madureira (retirado no sábado, dia 9 de janeiro).

“O objetivo desse trabalho integrado da Prefeitura do Rio de Janeiro, sob o comando do prefeito Eduardo Paes, é colaborar com a vida das pessoas que precisam utilizar o sistema de BRT. E o papel da Secretaria Municipal de Ordem Pública é promover o maior ordenamento dentro e no entorno das estações, aumentando a sensação de segurança da população”, ressalta o secretário municipal de Ordem Pública, Brenno Carnevale.

As ações conjuntas da Secretaria Municipal de Ordem Pública complementam o plano que será elaborado pela Secretaria Municipal de Transportes para recuperação do modal até o final de 2021. A meta foi estipulada pelo prefeito Eduardo Paes, por meio do decreto 48.392, de 1º de janeiro.

Fiscalização BRT
Força-tarefa diária integrada pela Secretaria Municipal de Ordem Pública recolheu moenda, botijões de gás, quiosque irregular dentro de estação e até simulacro de arma de fogo (Foto: Divulgação/Secretaria Municipal de Ordem Pública/Prefeitura do Rio)
Balanço detalhado

Entre as 346 multas de trânsito aplicadas pela força-tarefa, de 2 a 10 de janeiro, 298 foram para veículos de transporte complementar. Destes, 21 foram removidos, incluindo oito piratas. Já por estacionamento irregular, foram 39 autuações, com 27 remoções.

Das 94 fiscalizações no comércio, 28 foram de estabelecimentos, com dois multados, e 66 de ambulantes. Entre os ambulantes, foram registradas 57 desobstruções do espaço público e seis autos de apreensão.

Os agentes apreenderam diversos itens, como bebidas, cigarros, acessórios e doces, além de moenda e botijões de gás. Os alimentos foram doados para instituições sociais, como a Associação Civil de Amparo ao Menor A Minha Casa, de Campo Grande.

Órgãos

Com planejamento e integração da Subsecretaria de Operações da Secretaria Municipal de Ordem Pública, a força-tarefa reúne efetivos das coordenadorias de Fiscalização de Estacionamentos e Reboques e Especial de Transporte Complementar, para a fiscalização do trânsito; das coordenadorias de Controle Urbano e de Licenciamento e Fiscalização, para a fiscalização do comércio; da Secretaria Municipal de Assistência Social e da Coordenadoria de Cuidado e Prevenção às Drogas, para atendimento à população em situação de rua; da Companhia Municipal de Limpeza Urbana, para limpeza urbana; e da Guarda Municipal e Polícia Militar, que atuam na segurança e suporte aos agentes envolvidos. A Subprefeitura da Barra da Tijuca também participou de algumas ações.

Eduardo Paulino

Paulistano, aquariano e prestativo. É apaixonado pelos temas marketing digital, mobilidade urbana, recursos humanos e empreendedorismo. É o criador dos sites Mobilidade SampaMobilidade Curitiba, Mobilidade RioMobilidade Floripa e Mobilidade Porto Alegre. Quer entrar em contato com o Eduardo? Escreva para eduardo@grupopln.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.